PATRICK VILAIRE – OS OBJETOS DO VODU

Kerchache_24

Como se materializam, para aqueles que neles acreditam, os espíritos que povoam o universo do vodu? Não se pode falar de vodu sem falar de fetiche. A importância do fetiche – ou objeto simbólico – nas religiões animistas é tão grande que o termo “fetichismo” é muitas vezes utilizado para designar o próprio animismo. Fetiches são talismãs e servem tanto para proteger como para rogar pragas. Eles protegem mulheres que acabam de dar à luz, reforçam a sexualidade e protegem contra doenças e contra a morte.

Na África, a escultura é uma representação simbólica que contribui para um ritual. O artista que fabrica o fetiche recebe o pedido de alguém, em geral um feiticeiro. O artista torna o fetiche acessível ao usuário do vodu por meio da expressão que o objeto manifesta. Não existe, por parte do artista, uma busca funcional da beleza. Tudo está focalizado no essencial, na finalidade do objeto – que é, acima de tudo, místico e mágico.

Fondation Cartier

Curtir no Facebook by Sofo Andreia Camargo.

Seguir no TWITTER

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s