Matei um homem, meu orixa vai mi abandonar a vida toda?

iemonja

Kolofé Sofo Andreia Camargo
Sou dofona de Iemanja de uma casa no Rio estou com 15 anos de feita e gostaria de perguntar a senhora se o santo da gente se afasta quando a gente comete um crime? Estive presa por 1 ano e meio porque matei um garoto de 17anos num assalto. Eu tinha um barzinho e dentro do balcão eu guardava a arma de meu marido, e veio um rapaz de 17 anos com um revolver 38 me assaltar ele deu um tiro na parede pra mi intimidar e quando ele destraiu eu puxei e atirei para matar pq estava muito nervosa e inves de sair do flagrante, fiquei ali com a arma na mão e tremendo como uma istérica em forte crise, a policia chegou disse que não ia dar nada para mim inves fiquei presa um ano e meio porque era legitima defesa e eles dizem que se não fosse legitima defesa era para pegar muitos anos de cadeia e meu advogado está fazendo um processo contra o tribunal que me julgou que eu não era nem para ir pra cadeia ja que foi legitima defesa. mas o meu problema nem é esse porque com a burocracia da lei pensa os advogados eu queria saber na parte espiritual como fica minha situação? Eu tirei uma vida e isso juro que mi arrependo eu pesso todo dia perdão a minha mãe Iemanja e a Deus por isso mas era eu ou ele, ele chegou a dar um tiro na parede do meu bar para mi assustar mas o que garante que ele não ia mi dar um tiro na cara? Eu não esperei para ver e atirei na cara dele. Sonho sempre com o ladrão dizendo que ia se vingar de mim, ou sonho com ele agarrando meu pescoço, tenhos pesadelos constantemente, meu pai disse que eu tinha que dar um bori para reforçar, eu fiz o bori mas os sonhos continuam, e meu orixa depois disso nunca mais virou, meu pai diz que é trauma e que ele na hora certa vai virar. Por favor gostaria de saber se nosso orixa nos abandona quando matamos alguem?
Fico no aguardo da sua resposta.

sofo

Sofo Andreia Camargo responde:
Kolofé Olorun – Kolofé dofona
O Vodum, Orixa, Nkice jamais nos abandonam, somos nós que abandonamos eles, nos afastamos na hora que perdemos a fé, colocamos um bloco impedindo que o sagrado atua em nossa vida, lembre-se ninguém morre de véspera, se sua fé fosse grande no teu sagrado nada te aconteceria mas você preferiu fazer justiça com tuas proprias mãos, com a violência que acontece no Brasil e a falta de segurança pública as pessoas realmente ficam traumatizadas, não te julgo, o desespero falou mais alto, realmente tirar uma vida pesa muito, Independente que era um ladrão, ou outra pessoa qualquer, são situações impostas pelo invisível (kututó-eguns) em nossa vida que nos coloca em xeque mate, em grande prova. Com certeza o kututó (egun) vai pertubar sua vida é preciso rituais precisos para que livre você dessa perseguição, com todo respeito ao seu sacerdote, não basta um tásen, Obori, primeiro você tem que limpar essas energias de sua vida para depois pensar em alimentar o itá (ori), procure ver isso urgentemente porque com essas coisas não se brinca.
O Rei Dan é Vivo
Dangbe Gbenoi
vanni.camargo@gmail.com

hipnoseandreiacamargo.jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s