Qual a vida mais importante: A do negro de periferia ou a da galinha de macumba?

Dr. Hédio Silva Junior.

“…eu começo dizendo que prestei atenção nas sustentações (que me antecederam)… não só nas narrativas como também nos sapatos dos narradores, e por acaso os sapatos dos narradores são todos sapatos de couro. Há aqui um fenômeno que talvez a psicologia chamasse de esquizofrenia: você faz um discurso inflamado em defesa dos animais calçando sapatos… DE COURO?… Estamos tratando aqui de uma hipocrisia (…) o que esta Corte já chamou de RACISMO RELIGIOSO… o Brasil tem o maior rebanho bovino do planeta (…) segundo o Ministério da Agricultura a cada segundo a industria do agrobusiness abate 180 frangos, um porco e um boi… portanto esse período que estou importunando vossas excelência dá uma ideia da carnificina que pode ter ocorrido (…). Há estatísticas no Brasil que comprovam que nas periferias das cidades jovens negros são chacinados como animais, mas não há comoção na sociedade brasileira, não vejo instituição jurídica ingressar com medida judicial para evitar que jovens negros sejam mortos como cães nas periferias.. mas a GALINHA DA MACUMBA… parece que a vida da galinha da macumba vale mais do que a vida de milhares de jovens negros. É assim que a vida de Preto é tratada no Brasil… a vida de Preto não tem relevância nenhuma, não causa comoção social, não move instituição jurídica… mas A GALINHA DA RELIGIÃO DE PRETO, ‘Ah, essa vida precisa ser protegida!’ “

Vídeo completo abaixo da sustentação oral do Dr. Hédio Silva Junior no julgamento do RE 494601 no STF, em 09 de agosto de 2018.

Excelente video no Facebook do Dr Hédio Silva Jr

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s